Publicidade

Threads, do Instagram: o que é o novo Twitter e como funciona

Entenda por que a rede social do Elon Musk corre perigo com o novo lançamento do Instagram, de Mark Zuckerberg, e saiba tudo sobre o Threads

06/07/2023 às 11h44 Atualizada em 07/07/2023 às 11h30
Por: Portal Holofote Fonte: O Povo
Compartilhe:
Reprodução/Internet
Reprodução/Internet

A Meta, dona do Instagram, do Facebook e do WhatsApp, anunciou o lançamento de uma nova rede social que pode desbancar o rival: o Twitter. Nesta quinta-feira, 6, a chegada do Threads será na plataforma Apple Store.

O mais recente serviço da Meta conta com escala, poder de fogo financeiro e base de usuários pré-existentes das outras três redes sociais.

Mas, afinal, por que o Twitter corre o risco de ser desbancado? Entenda abaixo como se criou a narrativa de queda da rede social do Elon Musk e como funciona a plataforma de Zuckerberg.

O que é Threads, do Instagram? 

O Threads é um aplicativo de texto baseado na conversação, explicação que se encaixa de maneira exata no Twitter. Diante disso, o lançamento da Meta é amplamente visto como uma alternativa à rede social de Musk. 

Assim como o Twitter, o aplicativo do Instagram permitirá que os usuários escrevam, curtam e compartilhem atualizações de textos em tempo real entre seguidores, permitindo o engajamento mútuo.

O app até mesmo pega emprestado o nome de uma das funções do rival; lá, threads se dão como uma forma de estruturar o texto a ser publicado.

Imagens que foram divulgadas pelo app Apple Store sugerem que o Threads será conectado à rede de compartilhamento de fotos, o Instagram. Além disso, o visual e o funcionamento da plataforma são idênticos ao Twitter. 

Por que a Zuckerberg está lançando o Threads como alternativa ao Twitter?

Recentemente, os dois bilionários viraram meme na internet após Musk casualmente ter chamado Mark para um duelo de luta livre num octógono em Las Vegas. No entanto, a resposta do dono da Meta parece ter sido no lançamento de uma rede social que se aproveite da má gestão de Elon.

Desde que Elon Musk comprou a rede social no ano passado, o site de microblogs tem enfrentado falhas técnicas, problemas de moderação de conteúdo e controvérsias sobre o "absolutismo da liberdade de expressão" declarado por seu novo proprietário.

Após reunião da Meta em junho, o diretor de produtos da empresa, Chris Cox, descreveu o Threads como “nossa resposta ao Twitter”. Fica evidente o desejo da companhia de Mark Zuckerberg de roubar os usuários do dono da Tesla.

"Temos ouvido de criadores e figuras públicas que estão interessadas em ter uma plataforma que seja administrada", disse Cox, em referência incisiva à forma como Musk vem administrando a empresa desde que a comprou por US$ 44 bilhões em outubro de 2022.

Threads: entenda o que aconteceu no Twitter sob o comando de Elon Musk

O Twitter substituiu seu sistema de verificação de selo azul por uma oferta de assinatura paga, além de ter demitido mais da metade da força de trabalho da empresa. Recentemente, implementou um limite controverso de visualização de postagens por usuário.

Em julho, a plataforma disse que o acesso ao seu serviço “TweetDeck” seria limitado a assinantes pagos a partir de agosto, excluindo os usuários gratuitos. Muitas dessas mudanças atraíram críticas dos usuários e levaram a boicotes de organizações de notícias.

Continue lendo e confira abaixo mais informações sobre o funcionamento do Threads:

Threads, do Instagram: como funciona o novo Twitter

Bem como o Twitter, o Threads funciona por meio do compartilhamento de textos em tempo real, além de também permitir vídeos e fotos.

Abaixo de cada post ou resposta, há os botões de responder, curtir, compartilhar e repostar. O visual, que pertence ao Instagram, rouba a estrutura do design de informação da rede que pode virar obsoleta no meio virtual.

Nas páginas de perfil, há duas colunas: threads (com todos os posts) e respostas. O Twitter também traz essa divisão.

Além disso, algo que chama atenção é sobre como se dará o algoritmo da linha do tempo do Threads.

Quando o Threads será lançado no Brasil? 

O lançamento da rede social será no dia 6 de julho, disponível na Apple Store.

Threads: como participar da rede social do Instagram? 

Os novos usuários poderão ingressar a partir do mesmo login e senha da conta do Instagram, mantendo o mesmo username.

Threads: privacidade 

A Meta afirmou que as práticas de privacidade da rede social podem incluir:

  • Compras
  • Localização
  • Contatos
  • Histórico de Buscas
  • Identificadores
  • Informações confidenciais
  • Saúde e condicionamento físico
  • Informações financeiras
  • Informações de contato
  • Conteúdo do usuário
  • Informações de uso
  • Histórico de navegação
  • Diagnóstico do aparelho
  • Threads, do Instagram: ficha técnica

Até a produção desta notícia a ficha técnica do Threads é:

  • Tamanho: 254,3 MB;
  • Idiomas: Português, Alemão, Checo, Chinês simplificado, Chinês tradicional, Coreano, Croata, Dinamarquês, Eslovaco, Espanhol, Finlandês, Francês, Grego, Hindi, Holandês, Húngaro, Indonésio, Inglês, Italiano, Japonês, Malaio, Norueguês (bokmål), Polonês, Romeno, Russo, Sueco, Tagalogue, Tailandês, Turco, Ucraniano, Vietnamita
  • Classificação indicativa: +12
  • Venda: Instagram, Inc
  • Preço: grátis
 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Sáb ° °
Dom ° °
Seg ° °
Ter ° °
Qua ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,24 -0,03%
Euro
R$ 5,58 -0,07%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,43%
Bitcoin
R$ 360,813,13 +2,31%
Ibovespa
124,196,18 pts 0.02%
Publicidade