Apa Móveis/Pneu Forte - 728x90
Indignação

Atriz se revolta e desce de táxi após motorista dizer que já agrediu casal gay

Atriz gravou toda a conversa com o taxista que contava ter agredido um casal gay

21/05/2019 13h26
Por: Jéssyca Lorena
Fonte: O Dia
183
Divulgação
Divulgação

Samantha Schmütz mostrou toda sua indignação nas redes sociais após ter feito uma corrida com um taxista que contou à ela ter agredido um casal gay. Ainda incrédula diante do que ouvida do motorista, Samantha ligou a câmera e registrou todo o ocorrido.

"Tomar uma atitude enérgica, entendeu? Aí eu tomei e minha mulher ficou apavorada", disse o taxista momentos antes de ser questionado pela atriz sobre o que ele havia feito com o casal. "Eu dei uma coça nos dois", respondeu ele. Ainda sem acreditar, Samantha perguntou o motivo de tanta agressividade. "Você bateu nos dois caras porque eles estavam se beijando? O que é isso, moço?!", questionou.

"Dei uma coça. Não tinha lei ainda, não tinha essa liberação total. Eles desrespeitaram todo mundo. Não tem nada a ver: um montão de casal hetero, 'normal', ninguém se beijando e por que os dois ficaram se agarrando ali? Não tinha por que fazer aquilo ali. Hoje as cabeças estão diferentes. Aí dei uma coça nos dois", reafirmou ele.

Samantha Schmütz se mostrou tão chocada com a história de homofobia que ouviu, que em seguida desceu do táxi. Já fora do veículo, ela afirmou que o próprio motorista notou o descontentamento dela diante da situação.

"Mano, na boa, eu desci do táxi! Ele falou: 'você está descendo por causa dessa minha história?'. Eu falei: 'sim, estou descendo por causa dessa sua história! Por favor, pare o carro que não tenho como ficar aqui'", contou a atriz que em seguida ressaltou a importância da luta pela educação para evitar mais histórias como a que ela havia acabado de ouvir.

"Gente, estou muito apavorada com a falta de noção das pessoas com o espaço do outro! É em todas as áreas, que tristeza! Por isso que a gente tem que lutar pela educação, porque sem educação as pessoas não têm como respeitar o limite do outro. Até onde vai o seu limite! Pelo amor de Deus, o que está acontecendo?!", ela se perguntou.

Momentos após o episódio, Samantha voltou a publicar vídeos sobre o assunto, mas desta vez utilizando um filtro em que ela aparece envelhecida.

"Como vocês podem ver, envelheci uns 80 anos com esses episódios de ódio, não é mesmo? 'Em um momento de cegueira, eu bati no cara!' (fala do taxista). E se ele dá um tiro e mata?! E se ele não sabe atirar direito e você que está do lado, não tem nada a ver com isso, não está beijando ninguém, toma um tiro?! Eu desci do táxi, porque quem não se posiciona contra está a favor!" finalizou Samantha.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.