domingo, 09 de dezembro de 2018
(92) 99183-2565
Geral

14/11/2018 ás 17h30

188

Jéssyca Lorena

Manaus / AM

MP recomenda interdição da Praia da Ponta Negra após prefeitura autorizar uso por banhistas
Segundo documento, emitido na tarde desta quarta-feira, Ministério Público alerta para risco de acidentes
MP recomenda interdição da Praia da Ponta Negra após prefeitura autorizar uso por banhistas
Divulgação

O Ministério Público do Amazonas recomendou, na tarde desta quarta-feira (14), que a Prefeitura de Manaus interdite a Praia da Ponta Negra. O pedido leva em consideração o último laudo técnico realizado pelo Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM).


Em oficio endereçado ao prefeito Arthur Virgílio Neto, o promotor Paulo Stélio Sabbá pede que a interdição seja acatada até que o Rio Negro atinga a cota ideal de água de 18 metros.


Na proposta do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado pela prefeitura em 2013, define-se que a praia deve ser interditada uma vez que chegue à marca de 17 metros. No último relatório divulgado, o nível da água estava em 17,12.


Na recomendação, o MP cita as manifestações favoráveis do Corpo de Bombeiros quanto à interdição da praia. Segundo o documento, a cota atual do rio na praia oferece risco a banhistas.


"[...] Em face da proximidade das depressões existentes no fundo do rio, fato que pode ocasionar acidente fatal por afogamento".


Prefeitura analisa situação


Em nota, a Prefeitura de Manaus afirmou estar atenta à recomendação sobre condições de uso da praia e diz analisar questionamentos. Leia à íntegra:


"A Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), esclarece que está atenta à recomendação do MPE-AM sobre as condições de uso da praia da Ponta Negra e que está analisando todos os questionamentos apresentados pelo Corpo de Bombeiros, junto ao Serviço Geológico do Brasil (CPRM) e à Procuradoria Geral do Município (PGM). Somente após essa nova deliberação é que haverá o posicionamento oficial do Implurb, responsável pela gerência do Complexo Turístico Ponta Negra, sobre o uso da praia".

FONTE: G1/AM

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados