Sábado, 20 de outubro de 2018
(92) 99183-2565
Economia

24/05/2018 ás 16h56

281

/

Fieam promove encontro de negócios entre empresários da Indonésia e AM
O encontro acontecerá a partir das 16h na sede da Fieam
Fieam promove encontro de negócios  entre empresários da Indonésia e AM

A Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam) promoverá no dia 28 deste mês, próxima segunda-feira, um encontro de negócios entre representantes da Embaixada da República Indonésia no Brasil e empresários do Estado. O encontro acontecerá a partir das 16h na sede da Fieam, na Avenida Joaquim Nabuco, 1919, Centro.


            O Bussiness Meeting (encontro de negócios) é realizado pelo Centro Internacional de Negócios do Amazonas (CIN-AM) da federação em parceria com a embaixada do país asiático. Na reunião, o embaixador da Indonésia, Toto Riyanto, irá apresentar os projetos de investimento, promoção comercial e potencial turístico do país.


            Para o gerente do CIN-AM, Marcelo Lima, o momento também será importante para que eles conhecem as potencialidades do Amazonas no setor de turismo e produtos regionais. Marcelo também alerta para futuras negociações internacionais com o país.


“O comércio com outros países permite que a empresa amplie a sua base de dados de clientes, melhore a qualidade do seu produto e abra a mente do empresário para as exportações. Por isso a importância deste encontro”, aponta o gerente do CIN-AM, destacando que mais informações sobre o evento podem ser obtidas pelos contatos (92) 3631-0899 / 3286-6511 ou pelo e-mail [email protected]


Economia


Conhecida por ser uma vasta nação poliglota, a Indonésia tem resistido à crise financeira global de modo relativamente calmo devido ao motor principal de seu crescimento econômico ser o consumo interno. O país é um dos primeiros países exportadores de petróleo, estanho e borracha do mundo. A maior parte de sua população continua vinculada à agricultura de subsistência, à pesca e à exploração florestal. Os negócios ou as empresas industriais em mãos de indonésios têm sido tradicionalmente poucos, e a produção está centrada em artigos para a exportação.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados