Publicidade

Juiz põe dono de Porsche envolvido em acidente fatal no banco dos réus, mas nega terceiro pedido de prisão

Segundo a denúncia do MP, Andrade Filho ingeriu álcool em dois estabelecimentos antes de dirigir.

02/05/2024 às 22h00 Atualizada em 15/05/2024 às 11h00
Por: Portal Holofote Fonte: Estadão Conteúdo
Compartilhe:
Reprodução/Internet
Reprodução/Internet

A 1ª Vara do Tribunal do Júri de São Paulo tornou réu o empresário Fernando Sastre de Andrade Filho, de 24 anos, por homicídio doloso qualificado e lesão corporal gravíssima, em razão de um acidente há um mês, quando dirigia um Porsche na Avenida Salim Farah Maluf, zona leste de São Paulo. A Justiça, porém, negou o terceiro pedido de prisão do empresário. A Promotoria havia defendido a custódia preventiva para evitar que ele influenciasse testemunhas. Segundo o Ministério Público, Andrade Filho já adotou tal conduta nas investigações.

O juízo não viu tal risco. Ao longo do inquérito, a Polícia Civil pediu outras duas vezes a prisão do empresário, e a Justiça também negou.

Jonas Marzagão e Elizeu Soares de Camargo Neto, advogados de Andrade Filho, disseram que vão examinar a denúncia para depois se manifestar. Quando a acusação foi oferecida, disseram que não se manifestariam pois “os autos estão em segredo de Justiça”.

Denúncia

Segundo a denúncia do MP, Andrade Filho ingeriu álcool em dois estabelecimentos antes de dirigir e “optou por assumir o risco” de um eventual acidente, considerando que a namorada e um casal de amigos tentaram dissuadi-lo de dirigir. A acusação aponta que o empresário dirigia a 156 km/h na avenida da zona leste de São Paulo.

O acidente causou a morte do motorista de aplicativo Ornaldo da Silva Viana, de 52 anos, cujo Sandero foi atingido pelo Porsche de Andrade Filho. O amigo do acusado, que estava no banco do carona, ficou dez dias na UTI e perdeu o baço. Na ocasião, a mãe de Andrade Filho esteve no local do acidente e PMs que atendiam a ocorrência permitiram que ele deixasse o local com ela para ir a um hospital, sem ter feito teste de bafômetro. Quando foram ao hospital para realizar o teste, os PMs descobriram que ele não havia ido para lá.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Qui ° °
Sex ° °
Sáb ° °
Dom ° °
Seg ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,15 +0,61%
Euro
R$ 5,58 +0,29%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,15%
Bitcoin
R$ 380,695,45 +0,19%
Ibovespa
125,605,68 pts -1.42%
Publicidade