Publicidade

Envira, no Amazonas, decreta situação de emergência

Segundo a Defesa Civil municipal, o Rio Tarauacá está medindo 16,25 metros e a previsão é de que as águas continuem subindo nos próximos dias.

05/03/2024 às 11h40 Atualizada em 06/03/2024 às 07h56
Por: Portal Holofote Fonte: G1 Amazonas
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

O município de Envira, no interior do Amazonas, decretou situação de emergência nessa segunda-feira (4) em razão da cheia dos rios Tarauacá e Envira. Segundo a Defesa Civil municipal, o Rio Tarauacá está medindo 16,25 metros e a previsão é de que as águas continuem subindo nos próximos dias.

O estado do Acre enfrenta uma cheia histórica em 2024. Cerca de 17 das 22 cidades acreanas estão em situação de emergência por conta do transbordo de rios e igarapés. O problema também tem afetado municípios amazonenses, como Envira e Boca do Acre, que ficam na fronteira com o estado vizinho.

O secretário da Defesa Civil, Ismael Dutra, disse que quase toda a zona rural do município já foi atingida pelo fenômeno. O órgão teme que, neste ano, o rio alcance a marca da cheia recorde, registrada em 2021, quando as águas que banham a cidade atingiram pouco mais de 17 metros.

“Hoje, 90% de toda a nossa zona rural, que fica no Rio Tarauacá Alto e no Rio Envira Alto, já foi afetada. Todas as aldeias indígenas que ficam no Rio Tarauacá Alto também já foram atingidas pela enchente. Nesse sentido, o prefeito em exercício do município, Lira Castro, decretou situação de emergência na cidade”, explicou o chefe da Defesa Civil.

Ainda conforme o dirigente, cerca de 200 famílias em todo o município já foram atingidas pela enchente e a prefeitura organiza abrigos para retirar os moradores das áreas de risco.

“Temos um abrigo no bairro na Escola Municipal Rita Maciel para 20 famílias, onde estamos dando prioridade para os moradores dos bairros Santa Rita e Rodoviário, e também temos a Escola Futuro de Ouro para os habitantes dos bairros Várzea e Centro. Também estamos providenciando caminhões para ajudar na retirada das famílias dos locais”, explicou.

“A gente fica preocupado porque o município de Feijó, que é banhado pelo Rio Envira, está registrando uma cheia histórica e toda essa água vai passar pelo município de Envira”, finalizou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Ter ° °
Qua ° °
Qui ° °
Sex ° °
Sáb ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,19 +1,37%
Euro
R$ 5,52 +1,01%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,28%
Bitcoin
R$ 351,769,05 -4,45%
Ibovespa
125,824,84 pts -0.1%
Publicidade