Publicidade

PF investiga trabalho escravo no interior do Amazonas

O alvo da operação foi um instituto para dependentes químicos no município de Itacoatiara.

27/02/2024 às 13h49 Atualizada em 29/02/2024 às 14h03
Por: Portal Holofote Fonte: Mário Adolfo
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta terça-feira (27), a Operação Cativos para reprimir crimes de redução a condição análoga a de escravizado em um instituto para dependentes químicos no município de Itacoatiara (a 270 quilômetros de Manaus).

A operação contou com 25 policiais federais e cumpriu três mandados de busca e apreensão, expedidos pela 4ª Vara Federal Criminal da SJAM, em locais estratégicos identificados durante as investigações. O nome do instituto alvo da investigação não foi divulgado pela PF.Conforme apurado pela PF, os responsáveis pelo local estariam submetendo os internos, dependentes químicos em recuperação, a condições degradantes de higiene, os deixando sem alimentação adequada e os submetendo a trabalhos forçados.

Além disso, a imagem dos internos era explorada em ‘’lives’’ realizadas por meio das redes sociais com o objetivo de obter engajamento e recursos financeiros de doadores.

De acordo com o G1, um dos alvos da operação é um pastor que recebia os internos no instituto e os mostrava em vídeos publicados em uma rede social.

A operação conta com a participação do Ministério Público do Trabalho, do Ministério do Trabalho e da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejuc).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Ter ° °
Qua ° °
Qui ° °
Sex ° °
Sáb ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,20 +1,57%
Euro
R$ 5,53 +1,17%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,49%
Bitcoin
R$ 350,403,25 -5,00%
Ibovespa
125,310,09 pts -0.5%
Publicidade