Publicidade

Em quatro anos, Governo do Amazonas gera mais de 220 mil empregos diretos e indiretos

A cada operação de crédito realizada pela Afeam são gerados três empregos.

20/02/2024 às 19h27
Por: Portal Holofote Fonte: Secom
Compartilhe:
Alex Pazuello / Secom
Alex Pazuello / Secom

Entre 2019 e 2023, o Governo do Amazonas gerou mais de 220 mil empregos diretos e indiretos, ou seja, ocupações econômicas geradas ou mantidas por meio de 73 mil operações de créditos realizadas pela Agência de Fomento do Amazonas (Afeam). Por meio dos financiamentos, os beneficiários contemplados ampliam negócios e geram emprego e renda.

Segundo o diretor-presidente da Afeam, Marcos Vinicius, cada operação cria, no mínimo, três rendas. “Em cada operação de crédito, geramos três empregos. Em relação ao ano passado, foram 48 mil ocupações econômicas e o Governo do Estado vai estar mantendo. E de onde que vem esse recurso? Do Fundo de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Polo Industrial e a Afeam consegue aplicar crédito e gerar emprego e renda. É uma cadeia toda e com isso também o Governo do Estado arrecada. Então o fluxo do emprego e da renda está concebido”, afirmou o vice-presidente.

A empreendedora Jeane da Silva, atualmente, emprega cinco pessoas na lanchonete onde é proprietária. Há quatro anos ela realiza operações de crédito por meio da Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), o que permitiu ampliar o negócio, fazer estoque e ter capital de giro. Jeane foi novamente beneficiada com nova operação de financiamento no valor de R$ 21 mil para este ano.

“Na Afeam os juros são baixíssimos, dão carência, tudo muito maravilhoso. A Afeam é uma amiga mesmo. Eu conheci por meio de amigos, que já faziam e indicaram. Por ser juros baixos, de carência, isso é fácil de pagar. É o quarto empréstimo que eu estou fazendo aqui para comprar materiais, pagar funcionário e capital de giro”, disse a empreendedora.

A Afeam atende, com empréstimo de menor juros do mercado e maior prazo de carência, empreendedores de micro, pequeno, médio e grande portes, além de contar com linhas específicas para produtores rurais, mulheres, idosos e pessoas com deficiência.

“A gente faz o financiamento que é muito bom, nos ajuda bastante. Assim, a gente tem a oportunidade de comprar mais mercadorias. Aqui foi a melhor taxa de juros que eu encontrei. Às vezes a gente não tem como começar e precisa de algo para incentivar, e com esse crédito, ajuda muito mesmo”, enfatizou Regiane Almada, dona de uma loja de roupas e joias. É a quinta vez que ela faz o financiamento pela agência.

Segundo a Afeam, o orçamento deste ano está dividido em R$ 142 milhões destinados ao microcrédito; R$ 80 milhões para o crédito de varejo; e R$ 44,5 milhões para o crédito rural. Para esses três, o recurso do Fundo de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e ao Desenvolvimento Social do Estado do Amazonas (FMPES) soma R$ 266,5 milhões. Outros R$ 20 milhões estão reservados para crédito a médias empresas, totalizando R$ 286,5 milhões.

Acesso ao crédito

Todo processo do crédito é feito de forma on-line, por meio do Portal do Cliente no site da Afeam (www.afeam.am.gov.br) ou por meio de parceiros técnicos (Idam, ADS, FPS, Detran/AM, Amazonastur, Setemp, Cetam, Sejusc, Seas, Ciama, Jucea-AM, Sebrae-AM, Senai e Senac).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Ter ° °
Qua ° °
Qui ° °
Sex ° °
Sáb ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,19 +1,47%
Euro
R$ 5,52 +1,03%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,39%
Bitcoin
R$ 351,717,02 -4,55%
Ibovespa
125,173,35 pts -0.61%
Publicidade