Domingo, 09 de Maio de 2021 03:59
(92) 99183-2565
Política Turismo de Pesca

Deputado Fausto Jr. quer transformar AM em referência mundial no Turismo de Pesca

A proposta foi apresentada pelo deputado estadual Fausto Jr. (MDB), que no fim de semana esteve no município do Careiro Castanho, no interior do Amazonas.

19/04/2021 19h02
141
Por: Fernanda Souza
Reprodução
Reprodução

O apoio ao Turismo de Pesca no Amazonas foi discutido hoje (19), na Assembleia Legislativa, onde deputados falaram sobre a criação de uma lei que proíba a pesca comercial do tucunaré em áreas destinadas à pesca turística.

A proposta foi apresentada pelo deputado estadual Fausto Jr. (MDB), que no fim de semana esteve no município do Careiro Castanho, no interior do Amazonas.

O parlamentar participou de reunião com representantes de 24 hotéis de selva onde são realizados o Turismo de Pesca do tucunaré. Fausto foi informado sobre a necessidade de apoio do governo do Estado ao setor, que enfrenta os efeitos da crise provocada pela pandemia.

Outra solicitação dos representantes de hotéis foi a criação de uma lei que proíba a pesca comercial e predatória do tucunaré em áreas destinadas à pesca turística.

Atualmente, a pesca comercial em áreas destinadas à pesca turística está acabando com os cardumes. A situação está atrapalhando o setor hoteleiro, pois sem cardumes, os turistas deixam de vir para o Amazonas.

“Nestas áreas destinadas à pesca turística, o peixe vale mais no rio do que na panela. O turista fisga o peixe e depois devolve para o rio”, comparou Fausto. “Sem cardumes, o turista perde o interesse e não volta para o Amazonas”, afirmou.

Outra medida para proteger o setor é a inclusão dos guias turísticos de pesca no cadastro do seguro defeso. A ideia é auxiliar os trabalhadores com o pagamento de um auxílio financeiro nos meses de abril, maio e junho, quando os rios estão cheios e a pesca turística fica paralisada.

Audiência Pública vai ouvir trabalhadores da pesca

A reunião com hotéis de selva foi acompanhada pelo prefeito do Careiro Castanho, Nathan Macena. Ele explicou que a pesca comercial do tucunaré continuará liberada nos rios, menos nas áreas destinadas ao Turismo de Pesca.

“Não queremos impedir nossos pescadores de trabalhar. A pesca comercial continuará liberada, com exceção das áreas destinadas à pesca turística”, explicou o prefeito.

Antes da apresentação do projeto de lei, o deputado Fausto Jr. propôs a realização de uma audiência pública para discutir o tema. A ideia é ouvir sugestões dos moradores e empresários do Careiro Castanho, bem como tirar dúvidas da população.

“O assunto é importante porque mexe com a vida de milhares de pessoas, por isso queremos ouvir a opinião dos moradores do município”, acrescentou o deputado.

De acordo com representantes dos hotéis de selva, mais de 10 municípios do Amazonas possuem renda vinculada ao turismo de pesca. Sem a criação de regras, o setor está ameaçado por causa da diminuição dos cardumes.

Segundo relatório do Banco Mundial, a pesca esportiva movimenta mais de U$ 200 bilhões em todo mundo. No Brasil, o Turismo de Pesca movimentou, em 2019, cerca de R$ 1 bilhão.

O Amazonas, embora tenha os rios mais piscosos do mundo, mordeu apenas R$ 60 milhões dessa fatia de negócios, o que mostra o potencial da região para novos investimentos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Manaus - AM
Atualizado às 04h53 - Fonte: Climatempo
23°
Chuva fraca

Mín. 23° Máx. 28°

23° Sensação
7 km/h Vento
100% Umidade do ar
90% (20mm) Chance de chuva
Amanhã (10/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens e chuva
Terça (11/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.