Publicidade

Operação Eleições 2020 deve garantir tranquilidade no 1º turno, no AM

Policiamento será reforçado em todo o Estado. Operação terá apoio do Exército Brasileiro

10/11/2020 às 14h54
Por: Fernanda Souza Fonte: D24AM
Compartilhe:
Reprodução
Reprodução

Na manhã desta terça-feira (10) foi anunciada a operação Eleições 2020, que envolverá as forças federais, estaduais, municipais e a Justiça Eleitoral, para garantir a tranquilidade no pleito que ocorrerá no próximo domingo (15). O anúncio foi feito na sede do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Avenida André Araújo, bairro Petrópolis, zona sul de Manaus.

A Polícia Militar terá um efetivo de 2,6 mil policiais em todo o Amazonas. Para o interior do Estado será enviado um reforço com 988 policiais militares. Na capital, 1.276 PMs farão o policiamento eleitoral.

A atuação da PM contará com apoio do Exército Brasileiro (EB) e contempla 31 municípios. O serviço será feito com exclusividade pela Polícia Militar em 21 cidades e pelos militares do EB em outros sete municípios.

Delegados, investigadores e escrivães da Polícia Civil (PC-AM) também darão apoio na segurança das eleições, sendo 855 profissionais na capital e outros 100 com atuação em  60 municípios do Estado.

Atualmente, o Amazonas possui 2,5 milhões de eleitores aptos a votar, sendo 1,3 milhão, em 463 locais de votação, em Manaus. No interior, são 1,17 milhão de eleitores em 1.071 colégios eleitorais.

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) também atuará com 23 bombeiros militares de prontidão na capital e 45 no interior. Agentes do Departamento Estadual de Transito (Detran-AM) trabalharão com um efetivo de 200 homens para cumprimento da Lei Seca.

Atendimento

De acordo com o coronel Ayrton Norte, comandante geral da Polícia Militar, todos os policiais estão de prontidão para atender a população. “Estamos preparados para esta missão e 70% do reforço já está no interior. Até esta quinta-feira (12) todos estarão a postos”, completou.

A delegada geral da Polícia Civil, Emília Ferraz, também ressaltou que a sede da Delegacia Geral funcionará como Central de Flagrantes de Crimes Eleitorais. “Receberemos informações em tempo real. Disponibilizaremos, além do 181, outros números para que a população possa denunciar os crimes eleitores que estiverem ocorrendo em suas zonas”, finalizou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Eleições 2020
Sobre o blog/coluna
Página especial com notícias e informações das Eleições Municipais 2020.
Ver notícias
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Qui ° °
Sex ° °
Sáb ° °
Dom ° °
Seg ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,40 -0,13%
Euro
R$ 5,84 -0,14%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,15%
Bitcoin
R$ 390,024,66 -0,13%
Ibovespa
119,936,02 pts -1.4%
Publicidade