Publicidade

Mandetta pede a governador do Acre que ignore pedido de Bolsonaro, diz Crusoé

“Chame os donos das funerárias e mande eles se prepararem”, disse o ministro da saúde ao governador do Acre.

30/03/2020 às 11h39
Por: Portal Holofote Fonte: BNC
Compartilhe:
Arquivo/Internet
Arquivo/Internet

A Crusoé revelou nesta segunda-feira, 30, um áudio no qual o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, pede ao governador do Acre, Gladson Camelli (PP, na foto), que ignore as orientações do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), sobre a reabertura de comércios e escolas.

“Na sexta-feira (27), peguei o telefone e pedi uma audiência com ele (Bolsonaro). Ia sair de Rio Branco, chegar e dizer: ‘Então, presidente, eu vou seguir a sua orientação. Se é para abrir, então vamos abrir, mas está aqui: eu não tenho condições de arcar com as consequências’. Eu ia, porque o que que eu vou fazer? Estou indo seguindo uma lógica. Aí eu liguei para o ministro da Saúde. Ele disse: ‘Não faça isso’.”, disse o governador no áudio.

Na sequência, o governador completa em tom grave:

“O ministro me disse: chame os donos de funerárias. Mande eles se prepararem. Se o ministro me disse isso, eu vou fazer o quê? Eu vou dizer que o negócio é simples? Eu vou ser irresponsável? Não vou. Ele não é doido.”

O ministro Mandetta foi procurado pela revista e não quis se pronunciar sobre a fala do governador.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Bastidores do Poder
Sobre o blog/coluna
É uma coluna do Portal Holofote que publica assuntos sobre Política, Justiça e Economia.
Ver notícias
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade
% (mm) Chance de chuva
20h00 Nascer do sol
20h00 Pôr do sol
Seg ° °
Ter ° °
Qua ° °
Qui ° °
Sex ° °
Atualizado às 20h00
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,60 +0,00%
Euro
R$ 6,10 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 397,719,24 -0,55%
Ibovespa
127,616,46 pts -0.03%
Publicidade