CAMPANHA SANEAMENTO MAUÉS
Execução

Adolescente é arrastado de cama e morto com mais de 30 tiros em Manaus

Os criminosos arrastaram o adolescente de cima da cama, onde estava dormindo, e o executaram.

04/12/2019 14h45
Por: Jéssyca Lorena
Fonte: Em Tempo
670
Divulgação
Divulgação

Rafael da Silva Queiroz, de 17 anos, foi executado com mais de 30 tiros dentro da casa da namorada, localizada na avenida Presidente Kennedy, no bairro Educandos, na Zona Sul de Manaus, na madrugada desta quarta-feira (4), por volta de 3h42.

O adolescente, segundo a polícia, chegou na residência da namorada, por volta das 2h, em um táxi.

À equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), a namorada de Rafael contou que o táxi retornou ao local e o motorista chamou pelo adolescente. Entretanto, ele disse que não iria sair porque queria dormir.

Horas depois, quando a vítima estava dormindo, os três criminosos armados entraram na casa, arrastaram Rafael da cama e o assassinaram com 30 tiros. Os assassinos fugiram em um carro modelo Ônix, de cor prata.

Moradores do bairro relataram à reportagem que não conheciam o jovem e não souberam passar mais detalhes sobre o crime. Entretanto, frisaram que a localidade está muito perigosa.

 “De manhã vimos muitos carros de polícia e do IML, mas não sabemos muito dizer como aconteceu, apenas que entraram na vila e mataram esse rapaz, mas não conhecíamos ele. Porém, o bairro está muito perigoso ultimamente”, explicou uma comerciante, que preferiu não se identificar.

A equipe tentou conversar com moradores da vila, onde o crime aconteceu, contudo, o portão estava trancado e ninguém foi visto no local.

Imagens de câmeras, fixadas em casas próximas, devem ajudar a polícia identificar os criminosos. 

Conforme a DEHS constatou, o adolescente possuía passagem na Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI) pelos crimes de tráfico de drogas e roubo. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.