CAMPANHA SANEAMENTO MAUÉS
Elogios

Michelle Bolsonaro a ministro da Saúde: “Um dos meus preferidos”

Michelle estava sentada ao lado de Mandetta e acariciou o ombro do ministro. A declaração foi seguida de sorrisos

03/12/2019 15h03
Por: Jéssyca Lorena
Fonte: Metrópoles
133
Reprodução
Reprodução

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, ganhou uma declaração de carinho da primeira-dama Michelle Bolsonaro. Nesta terça-feira (03/12/2019), ao anunciar investimentos em serviços voltados a pessoas com deficiência, a mulher do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que Mandetta “é um dos preferidos”.

Michelle estava sentada ao lado de Mandetta e acariciou o ombro do ministro. A declaração foi seguida de sorrisos. O titular da Saúde agradeceu o apoio da primeira-dama. Ao entregar uma cartilha sobre libras a Mandetta, Michelle fez um sinal que significa “eu te amo”.

O Ministério da Saúde anunciou nesta terça-feira medidas para ampliar os serviços voltados a pessoas com deficiência. Serão estendidos atendimentos ortopédicos e de saúde bucal ao grupo. Os investimentos custarão aos cofres públicos R$ 70,11 milhões por ano. Mais de um milhão de pessoas poderão ser beneficiadas com a criação de 66 novos serviços médicos.

O Sistema Único de Saúde (SUS) irá incorporar em sua estrutura 20 centros especializados em reabilitação (CER), oito centros especializados para pacientes com doenças raras, sete oficinas ortopédicas, 31 centros odontológicos (CEO), sendo 14 para a Rede de Cuidados à Saúde de Pessoas com Deficiência.

No mês passado, em comemoração aos 30 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança, a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, é seu preferido. “Ministro, você é o meu favorito! (…) Que Paulo Guedes não me escute”. destacou.

Weintraub entrou na brincadeira. “Mas eu sou mais bonito do que ele”, encerrou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.