Apa Móveis/Pneu Forte - 728x90
Crime

Bebê morre depois de ser torturada e estuprada por amigo da família

Acusado de assassinato era um conhecido da família há anos e antes do ocorrido, a criança já tinha ficado sob os cuidados dele

15/10/2019 17h43
Por: Jéssyca Lorena
Fonte: Em Tempo
347
Divulgação
Divulgação

A menina Nariah, de um ano e cinco meses, morreu após ser torturada sexualmente em Richmond, na Virgínia, nos Estados Unidos. A tragédia aconteceu quando sua mãe, Aija Brown, pediu a Barron Spurlock para cuidar da criança por alguns minutos. Na volta, Brown encontrou a criança com ferimentos graves. O bebê morreu por complicações relacionadas à lesões no tronco, dias após o estupro. 

Acusado de assassinato e abuso sexual, Spurlock, que tem 25 anos, foi detido pela polícia. Ele era um conhecido da família há anos e, antes do ocorrido, a criança já tinha ficado sob os cuidados dele sem nenhuma fatalidade acontecer.

Ao Richmond Times-Dispatch, a mãe disse que se despediu da filha dizendo que a amava. "Eu vou deixar você com Ele. Estarei com você logo menos e vamos nos encontrar lá em cima e vou ter você nos meus braços mais uma vez", disse à criança. 

O tenente Erland Marshall, responsável pelo caso, disse que a investigação deixou sua equipe em situação "emocionalmente complicada" devido à idade de Nariah e aos ferimentos que a menina sofreu. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.