Apa Móveis/Pneu Forte - 728x90
Sequestro

Motorista de transporte por APP é sequestrado em Manaus

Júlio César estava saindo de uma panificadora quando foi abordado na saída do estabelecimento por homens não identificados

12/08/2019 18h15
Por: Jéssyca Lorena
Fonte: Em Tempo
470
Divulgação
Divulgação

O motorista de transporte por aplicativos, Júlio César da Silva Pereira, de 50 anos, foi dado como desaparecido no início da manhã deste sábado (10) após ser sequestrado por homens desconhecidos que estavam em dois carros. A informação foi confirmada pela própria mãe da vítima, identificada como Wanda Pereira da Silva, de 67 anos, que procurou a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestrado (DEHS) para registrar o sumiço.

Ao jornal, Wanda Pereira relatou que o filho estava saindo da Panificadora Nádia, na rua 10, no bairro Jorge Teixeira 4, na Zona Leste de Manaus, acompanhada de outra filha dela, de 20 anos. Em determinado momento, por volta das 5h30, homens desceram de dois carros e ordenaram que Júlio César entrasse em um dos veículos. 

“Júlio César estava saindo da padaria quando foi abordado por homens desconhecidos que trajavam camisas de mangas longas e usavam bonés. Eles disseram: Perdeu, perdeu e entra no carro logo. A minha filha que estava acompanhando o irmão no momento do sequestro presenciou toda a ação e não fez nada por medo. Ela disse que os homens não eram policiais”, explicou Wanda Pereira. 

Os suspeitos estavam em dois carros, sendo um de cor prata e outro de cor preta, ambos de placas não reconhecidas. Na fuga, eles ainda deixaram cair um molho de chaves. Imagens de câmeras de segurança fixadas em imóveis próximo ao local do desaparecimento registram o sequestro.

A mãe do motorista de transporte privado individual de passageiros informou, ainda, que Júlio César não tinha inimigos e não era envolvido com drogas. A equipe da DEHS abriu inquérito para investigar o suposto sequestro. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.