domingo, 27 de maio de 2018
(92) 98115-8357
Saúde

16/01/2018 ás 19h38

5.657

Portal Holofote

Manaus / AM

Medicamento anti-HIV começa a ser distribuído em Manaus a partir desta quarta-feira
Tratamento de prevenção ao HIV será ofertado a pessoas que não têm o vírus, mas que estão mais expostas à infecção.
Medicamento anti-HIV começa a ser distribuído em Manaus a partir desta quarta-feira
Pílula do medicamento Truvada, usado na profilaxia pré-exposição (PrEP) contra o HIV (Foto: Paul Sakuma/AP)

 


A Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) ao HIV, tratamento que consiste no consumo diário de um medicamento preventivo chamado antirretroviral Truvada, começa a ser disponibilizado a partir desta quarta-feira (17), informou a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) nesta terça-feira (16).


O tratamento de prevenção ao HIV será ofertado a pessoas que não têm o vírus, mas que estão mais expostas à infecção. A medicação foi enviada pelo Ministério da Saúde, e terá distribuição administrada pela Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), em Manaus.


O tratamento tem como público-alvo pessoas consideradas com maior vulnerabilidade de adquirir o vírus HIV.


Os interessados em iniciar o tratamento devem agendar consulta na FMT-HVD. Os pacientes receberão a medicação para tomar em casa.


A coordenadora estadual de IST/Aids e Hepatites Virais, Dessana Chehuan, esclarece que, apesar de importante, a PrEP não substitui o uso do preservativo.


"A camisinha continua sendo a maneira mais eficiente de prevenir o HIV e também outras infecções sexualmente transmissíveis", destacou, por meio da assessoria.


Barreira contra o HIV


A Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) é a combinação dos antirretrovirais Tenofovir com a Entricitabina. Dessana Chehuan informa que a medicação funciona como uma barreira para o HIV, antes que a pessoa tenha contato com o vírus.


Os estudos científicos demonstraram que o uso da PrEP pode reduzir o risco de infecção por HIV em mais de 90%, desde que o medicamento seja tomado corretamente, já que a eficácia está diretamente relacionada à adesão.


Após o início do uso da PrEP, o efeito de proteção só começa depois do sétimo dia de uso diário do medicamento para as relações envolvendo sexo anal. Já para as relações envolvendo sexo vaginal, a proteção só começa após 20 dias de uso diário.


FONTE: G1/AM

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados