Quinta, 18 de outubro de 2018
(92) 99183-2565
Política

29/11/2017 ás 17h29 - atualizada em 30/11/2017 ás 22h27

10.730

Portal Holofote

Manaus / AM

Carlos Souza protesta contra construção de presídio federal no AM: “Escritório do Crime!”
O presídio está previsto para o município de Iranduba, na Região Metropolitana, a apenas 27 Km de Manaus.
Carlos Souza protesta contra construção de presídio federal no AM: “Escritório do Crime!”
Foto: Divulgação

 


O deputado federal pelo Amazonas Carlos Souza (PP-AM), protestou, na sessão desta quarta-feira (29), da Câmara Federal, contra a construção de um presídio de segurança máxima no Estado. O presídio está previsto para o município de Iranduba, na Região Metropolitana, a apenas 27 Km de Manaus.


Carlos Souza, que chamou a possível obra de “escritório do crime organizado”, disse que, com o presídio, o governo do presidente Temer dá à população de Iranduba e do  Amazonas um “presente de grego”.


Carlos Souza afirmou ainda, que, ao invés de um presídio, o governo federal deveria destinar os recursos para outras áreas, como infra-estrutura, saúde, educação e melhoria da qualidade de vida da população de Iranduba.


Carlos Souza ficou conhecido e foi eleito por vários mandatos por ter comandado um programa policial em uma emissora de TV do Amazonas.


Na semana passada, parlamentares do Amazonas e representantes do Ministério Público Estadual, Defensoria Pública do Estado, Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Amazonas (OAB-AM), Câmara Municipal de Iranduba e metade da população de Iranduba se manifestaram contrários à construção do presídio na cidade e no Estado.

FONTE: Blog do Ronaldo Tiradentes

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados