Segunda, 22 de outubro de 2018
(92) 99183-2565
Entretenimento

23/08/2017 ás 17h28

6.678

Portal Holofote

Manaus / AM

Dado Dolabella defende veganismo e culpa carne por seu passado
Dado atribui à carne o comportamento agressivo que demonstrou ao longo dos anos. "Hoje, tô colhendo frutos de um passado recheado de violência que começa no prato de comida.
Dado Dolabella defende veganismo e culpa carne por seu passado
Foto: Reprodução/Internet

 


Preso recentemente por estar devendo quase R$ 200 mil em pensão alimentícia para a mãe de um de seus filhos, o ator Dado Dolabella fez um "textão" no Facebook nesta terça-feira, 22, defendendo o veganismo e culpando a época em que comia carne por seu passado violento.


O ator, que foi recém-liberado da prisão mesmo sem ter pago fiança ou a pensão devida, tem um passado de acusações de violência e agressão. Para quem não lembra, sua ex-namorada Luana Piovani o acusou de lhe dar socos e o ator foi demitido da Record em 2014 após agredir um funcionário.


No texto, Dado atribui à carne o comportamento agressivo que demonstrou ao longo dos anos. "Hoje, tô colhendo frutos de um passado recheado de violência que começa no prato de comida. 90% (+/-) do que comia vinha proteína animal. E não venha me dizer que não existe relação!", defende o ator.


"Imagina você sendo assassinado sentindo o cheiro do sangue dos seus semelhantes, encurralado, tomando uma facada no pescoço, pendurado de cabeça pra baixo, totalmente consciente e sangrando até o coração não ter mais forças. O q sentiria? Esse é o real gosto da carne. De ódio. Do terror. Da morte", argumenta.


Há alguns anos convertido ao veganismo, filosofia que elimina da alimentação qualquer produto derivado de animais, o ator prossegue o texto fazendo um paralelo entre o ato de comer carne e a violência.


"Ingerir sofrimento e exalar amor? A mente não domina o corpo. Muitas vezes os hormônios sentidos e sintéticos dos animais falam mais alto. A carne fica fraca. E o juízo, nulo. Aí, que todo um sistema doente se alimenta. Não é à toa que hospitais e presídios estão superlotados", diz ele. "É preciso olhar menos pro ego, e mais para o eco. A corrupção e a violência começam na alimentação. Fico pensando quantas coisas não seriam diferentes se eu fosse vegano (sangue limpo e alcalino) antes.”


Dado termina o relato assumindo seus erros e defendendo o veganismo como filosofia de vida. “Assumo toda e qualquer culpa por todos os meus atos impulsivos e reativos no passado, vou viver o resto da vida limpo de crueldade nas minhas veias. Perdão. Hoje acredito na vibração positiva. Acredito na vida. #GoVegan", finaliza o ator.


Em nenhum momento, Dado Dolabella fala no texto sobre a recente prisão por falta de pagamento da pensão alimentício do filho.

FONTE: Catraca livre

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados