Terça, 19 de março de 2019
(92) 99183-2565
Polícia

14/03/2019 ás 15h07

93

Jéssyca Lorena

Manaus / AM

Suspeitos de matar Marielle e Anderson deixam DH em direção à Cadeia de Benfica
No caminho, eles passaram pelo IML para exame de corpo de delito
Suspeitos de matar Marielle e Anderson deixam DH em direção à Cadeia de Benfica
Divulgação

Os suspeitos pela execução da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes deixaram a Delegacia de Homicídios da Capital, na Barra da Tijuca, no fim da manhã desta quinta-feira, com destino a Cadeia Pública em Benfica. No caminho, eles passaram pelo Instituto Médico-Legal, no Centro, para exame de corpo de delito. Após a perícia, eles serão encaminhados para o presídio, onde vão passar por audiências de custódia.


Ronnie Lessa, suspeito de efetuar os disparos, e Élcio Vieira de Queiroz, suspeito de ter dirigido o carro que seguiu a vereadora, estavam detidos na DH desde terça, quando a Polícia Civil e o Ministério Público deflagraram uma operação para cumprir 34 mandados de busca e apreensão e as duas prisões.


No cumprimento dos mandados, a polícia encontrou peças para a montagem de 117 fuzis na casa de Alexandre Motta. Ele afirma que apenas guardava as caixas a pedido do amigo Ronnie. Motta foi preso em flagrante no mesmo dia e também passará por audiência de custódia nesta quinta. A defesa do suposto atirador nega que os armamentos e as munições sejam dele.


As defesas dos três suspeitos afirmam que eles são inocentes e negam as acusações.

FONTE: O Dia

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados