domingo, 18 de novembro de 2018
(92) 99183-2565
Polícia

09/11/2018 ás 16h05

147

Jéssyca Lorena

Manaus / AM

Operação apreende meia tonelada de maconha no Rio Solimões, no AM; quatro suspeitos morreram
Ação policial aconteceu na madrugada desta sexta-feira (9), nas proximidades do município de Iranduba
Operação apreende meia tonelada de maconha no Rio Solimões, no AM; quatro suspeitos morreram
Reprodução

Dois homens de 52 e 32 anos foram presos na madrugada desta sexta-feira (9), em uma embarcação no Rio Solimões. Com eles foram apreendidos, aproximadamente, 500 Kg de maconha, nas proximidades do município de Iranduba, localizado a 27 Km de Manaus. Durante a abordagem da polícia, em operação, houve troca de tiros com os suspeitos e quatro homens que transportariam os entorpecentes foram mortos.


De acordo com a Secretaria-Executiva Adjunta de Inteligência (Seai), a apreensão é resultado de uma investigações sobre a organização criminosa responsável por transportar entorpecentes do município de Tabatinga para Santarém, no Pará.


Para abordar a embarcação, foi realizada uma campana em um flutuante no município de Iranduba. José Araújo da Silva, 52, e Jairo da Costa Farias, 32, apresentados à imprensa na manhã desta sexta-feira, são suspeitos de participar da operação de tráfico. Eles, no momento da abordagem, estavam em outra embarcação, que transportava óleo diesel, gasolina e mantimentos para os quatro suspeitos que morreram.


Segundo relatório, a polícia foi recebida a tiros pelos suspeitos. Após a ação de troca de tiros, foram vista armas longas caindo no rio. Ao se aproximarem da embarcação dos suspeitos, eles estavam feridos.


“Nós realizamos todo o planejamento operacional e todo o procedimento de abordagem de embarcações. Ligamos o giroflex, demos a voz de parada para eles, nos identificamos como policiais e inobstante a isso, eles começaram a efetuar disparos contra os nosso policiais do grupo Fera, da Denarc e do Seai. Prontamente, temos o reparo necessário para repelir essa injusta agressão. Os indivíduos vieram a óbito. É isso que a população espera, agir dentro dos limites legais”, disse o delegado Juan Valério.


'Operação de altíssimo risco'


O secretário de Segurança Pública, Coronel Amadeu Soares, relata que a apreensão é continuação da operação Banzeiro e classifica a operação noturna de alto risco.


"É uma investigação da operação banzeiro, que já vem ocorrendo há mais ou menos sete ou oito meses. Essa operação já retirou de circulação aproximadamente três toneladas de drogas. Quero reportar o risco que é uma operação noturna no Rio Amazonas, Solimões ou Rio Negro. É uma operação de altíssimo risco. Nós já tivemos policiais feridos na ocorrência de Novo Airão, policiais federais que faleceram em virtude de confronto nesse rio”, completa.


Saldo


Na embarcação foram apreendidos um fuzil 556, uma espingarda calibre 12, uma espingarda calibre 16 e diversas munições. Além dos 500 Kg de maconha tipo “Skunk” , duas lanchas e um carro.


Após os procedimentos cabíveis na unidade policial, os dois suspeitos que foram presos serão encaminhados para Audiência de Custódia, no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, na Zona Sul de Manaus.

FONTE: G1/AM

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados