Sexta, 21 de setembro de 2018
(92) 99183-2565
Cidades

12/09/2018 ás 18h11

44

Jéssyca Lorena

Manaus / AM

Amazonas registra aumento de mais de 200% no número de prisões em 2018
Em 2018, foram 339 presos de janeiro a agosto, contra 109 no mesmo período de 2017
Amazonas registra aumento de mais de 200% no número de prisões em 2018
Adneison Severiano/G1 AM

Dados da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop), braço operacional da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), apontam aumento na produtividade das ocorrências policiais de janeiro a agosto deste ano. Conforme balanço divulgado nesta terça-feira (11), um dos pontos de maior destaque foi o aumento de 211% no número de prisões. Em 2018, foram 339 presos de janeiro a agosto, contra 109 no mesmo período de 2017.


O secretário executivo adjunto de Operações, tenente-coronel da Polícia Militar, Klinger Paiva, explica que as equipes da Seaop estão atuando efetivamente no combate ao crime na capital amazonense e as denúncias da população têm sido determinantes para o aumento no número de prisões.


“Estamos atuando de forma árdua em todas as operações realizadas pela Seaop, SSP-AM e Sistema de Segurança Pública como um todo. Além disso, nosso desempenho no atendimento das ocorrências tem sido fundamental para tirar criminosos do convívio com a sociedade e dar um retorno à população que acredita em nosso trabalho”, afirmou Paiva.


O secretário de Operações destacou, ainda, o aumento no número de recapturados neste ano. Até agosto, foram presas 68 pessoas que estavam foragidas do sistema prisional ou da Justiça. O número representa um aumento de 26% em relação aos 54 foragidos recapturados em igual período de 2017.


Armas, drogas e veículos


A Seaop registrou um aumento na quantidade de apreensões. Em oito meses, foram apreendidas 59 armas de fogo, sendo o revólver calibre 38 o armamento mais apreendido, com 18 unidades. Para comparar, em 2017 haviam sido apreendidas 14 armas entre os meses de janeiro e agosto, o que significa um avanço de 321% em 2018.


Nas ocorrências de 2018, a Secretaria de Operações apreendeu 504 munições de armas de fogo de diversos calibres, o que representa uma alta de 124% em relação às 225 do mesmo período do ano passado.


Além das apreensões de armas e munições, houve um incremento significativo no volume de apreensões de entorpecentes. Em 2018, os agentes da Seaop retiraram de circulação 4.598 trouxinhas, 909 kits de entorpecente, 206 porções e 515 pinos de drogas. Ao todo, foram mais de 100 quilos de drogas apreendidas, superando em 2.400% os 4 quilos apreendidos de janeiro a agosto de 2017, quando haviam sido retirados de circulação 257 trouxinhas, 45 kits e duas porções de droga.


Em 83 operações integradas das quais a Seaop participou com outros órgãos do Sistema de Segurança Pública do Estado, foram realizadas 83 apreensões de veículos, sendo 65 veículos de duas rodas.


Também foi significativa a evolução na apreensão de aparelhos celulares em 2018 por agentes da Seaop. Neste ano, foram 874 aparelhos recuperados nas Operações Fora de Área I e II, desencadeadas para reprimir a venda de celulares roubados, principalmente oriundos de roubos em ônibus. Todos os celulares recuperados foram devolvidos aos donos mediante apresentação de nota fiscal.


Crime organizado


O tenente-coronel Klinger Paiva também atribuiu o avanço da produtividade da Seaop à política de combate ao crime organizado da Secretaria de Segurança, bem como às operações organizadas a partir dos dados das manchas criminais, contribuindo para dar mais segurança à população.


“Todos os resultados nos trazem satisfação, mas também nos mostram que o trabalho tem surtido efeito e que podemos melhorar ainda mais nossos índices para que a população se sinta em segurança. A Seaop se coloca à disposição de todo cidadão, que assim como nós, quer que o trabalho da polícia e do Sistema de Segurança continue sendo atuante em todas as zonas”, afirmou.


Denúncias


A população pode contribuir com o trabalho de combate à criminalidade por meio de denúncias anônimas ao Disque-Denúncia 181, da SSP-AM. Também é possível denunciar por meio da Linha Direta com a Seaop, pelo número (92) 99345-2848. Todas as informações são verificadas pelos policiais lotados na Secretaria Executiva Adjunta de Operações.


A Seaop tem como finalidade sistematizar, integrar e coordenar as operações integradas de segurança pública, como elo entre a operacionalidade das instituições do sistema de segurança e a SSP-AM.


Além disso, a Secretaria trabalha para difundir e consolidar a filosofia de estratégia de policiamento comunitário, agindo na prevenção dos crimes a partir da integração com a comunidade, na reestruturação e no fortalecimento dos programas sociais de prevenção à violência já existentes, contribuindo para que o Estado do Amazonas seja referência nacional em segurança pública.

FONTE: G1/AM

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados