domingo, 19 de agosto de 2018
(92) 99183-2565
Internacional

14/07/2018 ás 17h04

232

/

Padre declara seu amor por outro homem e abandona sacerdócio
Abandonou o sacerdócio, mas não a fé.
Padre declara seu amor por outro homem e abandona sacerdócio
Internet

 Um caso curioso que aconteceu na Itália, onde um ex-padre, Giuliano Costalunga, 48, por amor a outro homem, abandonou o sacerdócio, mas não a fé.


Giuliano conheceu seu amado em 2015, quando o então pároco visitava doentes oncológicos em um hospital de Verona. Um desses pacientes era Paolo. A ligação entre os dois foi tornando-se mais forte, até que ambos perceberam que era mais do que amizade.


Ele então começou por reduzir o número de missas que dava, porque já vivia com o namorado, Paolo.


Foi então que, em fevereiro de 2017, enviou uma carta ao bispo de Verona pedindo que fosse dispensado das obrigações clericais para poder casar.


A igreja, por sua vez, não reagiu da melhor forma. O bispo de Verona classificou o amor dos dois como uma “dolorosa situação familiar” e lembrou que uma vez sacerdote, sacerdote para toda a vida, pois só a Santa Sé pode libertar Giuliano do estatuto clerical.


Segundo o jornal La Vanguardia, Giuliano decidiu se mudar para as Ilhas Canárias, juntamente com Paolo, porque na Espanha o casamento homossexual é reconhecido por lei. Dois meses depois, o casal celebrava a união com amigos e familiares, que apoiam o seu amor.


“Voltei a ser um simples laico, mas profundamente apaixonado pela fé em Deus. Digo ao meu marido que o amo, mas que adoro Deus. Rezamos juntos e isto me ajuda a seguir em frente”, disse Giuliano.

FONTE: CM7

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados