Segunda, 20 de fevereiro de 201720/2/2017
(92) 98115-8357
Chuva
25º
26º
27º
Manaus - AM
dólar R$ 3,09
euro R$ 3,28
Pneu_Forte_Apa_Moveis
POLÍCIA
Após massacre, 17 presos são transferidos do Compaj para presídios federais
Portal Holofote Manaus - AM
Postada em 11/01/2017 ás 09h46
Após massacre, 17 presos são transferidos do Compaj para presídios federais

Foto: Divulgação

Dezessete presos, do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e do Instituto Penal Antonio Trindade (Ipat), serão transferidos, na manhã desta quarta-feira (11), para presídios federais. Segundo o titular da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), Pedro Florêncio, entre os transferidos estão os responsáveis pela rebelião do último dia 1° de janeiro, que resultou na morte de 56 internos. “A Força-tarefa da Polícia Civil, que está investigando os homicídios no Compaj, chegou aos nomes dos suspeitos de terem comandado e participado dos homicídios. Tanto no Compaj quanto dos 4 mortos na unidade do Puraquequara”, disse.

Neste momento, os detentos estão no 1° Batalhão de Choque, na entrada da BR-174, onde passam por exame de corpo de delito. Em seguida, eles serão encaminhados para o terminal de passageiros 2 do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, o Eduardinho.

Conforme o comandante da Polícia Militar, coronel Augusto Sérgio, ao menos 80 homens da polícia estão envolvidos na escolta dos 17 presos.

Entre os detentos está Márcio Ramalho Diogo, 34, o Garrote, identificado pela Polícia Federal como um dos ‘xerifes’ do regime fechado do Compaj. Ainda de acordo com a PF, era Márcio quem cumpria as regras de disciplina imposta pelas lideranças da facção Família do Norte na unidade prisional, sendo inclusive o responsável por aplicar penas aos detentos, que variavam de lesões graves ao homicídio.

Em uma foto que circulou após a rebelião, o detento aparece ao centro de uma fotografia, de boné vermelho e ao lado de outros detentos armados com pistolas, facas e facões.

Além de Garrote, serão transferidos Janes do Nascimento Cruz, Cláudio Dayan Felizardo Belfort, André Said de Araújo, Florêncio Nascimento Barros, José Bruno de Souza Pereira, Gileno Oliveira do Carmo, Demétrio Antonio Matias, Wilson Guimarães Fernandes, Fábio Palmas de Souza, Lenon Oliveira do Carmo, Heliuton Cabral do Carmo, Eduardo Queiroz Araújo, Reginaldo Muller Neto e João Ricardo Santos da Costa. 


FONTE: D24am
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
imprimir
1.706